COMO MELHORAR APARENCIA

Um das grandes dificuldades na aparencia tem relação aos nossos cabelos, principalmente nas mulheres. Para os homens ocorre ocasionalmente uma espécie de bullying dos amigos (careca, etc..) que incomodam e eventualmente afeta auto estima e por consequencia traz prejuízos pessoais e profissionais.
Para tratar desse assunto, desenvolvi o texto abaixo….
Tratamento
Nos últimos anos, a medicina tem feito tremendos avanços no tratamento da perda de cabelo em homens. Com o avanço dos inibidores da 5-mulher-calvaalfa-redutase, como a Propecia e a evolução cirúrgica na restauração de cabelo. Agora é possível parar ou retardar a progressão da perda de cabelo e substituir cabelos perdidos através de cirurgia com resultados completamente naturais, no entanto, a grande maioria dos tratamentos de perda de cabelo que estão sendo comercializados não é muito confiável.

Você já viu os anúncios na parte de trás de revistas masculinas, ou comerciais no rádio e informativos promovendo tratamentos milagrosos para a perda de cabelo. a maioria vasta dos “tratamentos” anunciados não trabalha para a prevenção ou tratamento da perda de cabelo. Se um tratamento de perda de cabelo não é aprovado pela FDA ou recomendado pela Associação Americana de perda de cabelo, as chances são que você está desperdiçando seu precioso tempo e dinheiro. Lembre-se, tratamento bem sucedido da perda de cabelo é muito dependente da intervenção precoce. É essencial começar o tratamento com um produto eficaz assim que você observar o começo da perda de cabelo.

Os dois tratamentos seguintes foram clinicamente comprovados para tratar com sucesso a perda de cabelo em homens em graus variados.

Finasterida, Proscar / Propecia
Finasterida é o nome genérico para as drogas de marca Proscar e Propecia. A Finasterida foi originalmente desenvolvida pela Merck como uma droga para tratar glândulas prostáticas ampliadas (Proscar). Durante os testes realizados em homens com problemas de próstata, um intrigante efeito colateral do crescimento do cabelo foi observado, Como a finasterida já havia sido aprovada pela FDA para o tratamento da próstata, a Merck decidiu proseguir com a possibilidade de desenvolver a finasterida como a primeira pílula para tratar a calvície masculina.

Em 22 de dezembro de 1997, a FDA aprovou uma dose de 1 mg de finasterida para o tratamento da alopecia androgênica em homens (calvície masculina). Propecia é a primeira droga na história para tratar eficazmente a calvície masculina padrão na grande maioria dos homens que à utilizou.

Como funciona a Propecia / Finasterida:

O sucesso no uso da Finasterida ocorreu devido à sua capacidade de inibir especificamente Tipo II 5-alfa-reductace, a enzima que converte testosterona em um andrógeno mais potente, dihidrotestosterona (DHT). A dose de 1 mg de Finasterida de Propecia pode efetivamente reduzir os níveis de DHT em até 60% quando injeridos diariamente. O DHT que diminui ou menimiza o folículo piloso, que eventualmente leva à calvície. Esta redução de 60% do DHT provou interroper a progressão da perda de cabelo em 86% dos homens que tomaram a droga durante os testes clínicos. 65% dos participantes do teste experimentaram o que foi considerado um aumento substancial no crescimento do cabelo.

Efeitos Colaterais da Propecia:

• Impotência.
• Perda de interesse sexual.
• Dificuldade em ter um orgasmo.
• Ejaculação anormal.
• inchaço em suas mãos ou pés.
• Inchaço ou sensibilidade nos seios.
• Tonturas.
• Fraqueza.
• Sensação de desmaio.
• Dor de cabeça.
• Nariz escorrendo.
• Erupção cutânea.

Os efeitos colaterais sexuais da Propecia podem continuar mesmo depois de interromper o tratamento. Fale com o seu médico caso houver mais dúvidas e preocupações relacionadas aos efeitos colaterais citados acima.

Minoxidil

Foi a primeira droga aprovada pela FDA para o tratamento da calvície masculina. Durante muitos anos, o Minoxidill, em forma de pílula, foi amplamente utilizado para tratar a pressão arterial elevada. Assim como os pesquisadores da Finasterida descobriram um efeito colateral muito interessante da droga, as pessoas que tomavam o Minoxidill começaram a apresentar um crescimento de cabelos em lugares inesperados, como em bochechas, nas mãos e em alguns casos até na testa.

Alguns pesquisadores empreendedores descobriram que se aplicar o Minoxidil diretamente na cabeça, resultaria no crescimento de cabelo em areas calvas, isso foi realizado em graus variados, dependendo da extensão da perda de cabelo. este tratamento foi revolucionário no passado.

Embora o uso do Minoxidil foi para retardar a progressão da perda de cabelo foi clinicamente comprovado, a maioria dos especialistas o veem como uma droga relativamente marginal e eficaz na luta contra a perda de cabelo. Uma vez que o Minoxidil não tem efeito sobre o processo hormonal da perda de cabelo, seus efeitos positivos são, na melhor das hipóteses, temporários e geralmente acabam por trazer decepcionantes resultados a longo prazo.

Dito Isso, a associação americana da perda do cabelo ainda recomenda droga para aqueles que não responderam favoravelmente ao tratamento do Finasterida ou para aqueles que gostariam de adicionar um outro produto a seu regime. O Minoxidil não é recomendado como a primeira linha de ataque para os homens que sofrem com a calvície masculina, mas é um tratamento eficaz para uma porcentagem pequena de seus usuários.